Facebook Twitter Youtube Linkedin |

Avanços da sustentabilidade da moda é tema de painel no Latam Retail Show

Um dos maiores eventos voltados para as tendências do varejo, o LATAM Retail Show começa nesta terça-feira (27) e terá como tema principal do congresso ‘A transformação virtuosa do mercado e consumo: última chamada’ e tem como objetivo abordar todas as transformações digitais, tecnológicas, comportamentais e econômicas pelas quais o mercado e a forma de consumir vêm passando. O evento, que acontece no Expo Center Norte, em São Paulo, até o dia 29 de agosto, conta, na programação, com um painel com representantes das grandes varejistas de moda Pernambucanas e Riachuelo para debater o tema “A importância da atuação ética, responsável e transparente para engajar os consumidores da moda”.

O painel, que conta ainda com a presença de Edmundo Lima, diretor-executivo da Associação Brasileira do Varejo Têxtil (Abvtex), acontece nesta terça, às 14h20, na Arena Mercado & Consumo.

O LATAM Retail Show também terá, pela primeira vez no Brasil, Javier Fernández Andrino, diretor Estratégico Internacional de Marketing e Luxo da El Corte Inglés. O executivo de uma das redes de maior destaque do varejo no planeta abordará “A nova era do varejo, a nova era do consumidor”. Fernández aborará como as compras estão transformando as ruas e a experiência de histórias memoráveis ​​através de microssegmentação e valores.

Ainda na área da moda, a HACO, empresa especializada em identificação de marcas, estará no evento com as novidades que envolvem as Etiquetas com Tecnologia RFID. O uso da Tecnologia RFID proporciona, de forma imediata, por exemplo, um aumento da contagem de itens de forma exponencial passando e uma contagem de 200 itens de código de barras por hora para um número próximo a 20.000 com RFID itens por hora, gerando mais produtividade. A fim de mostrar aos interessados, a empresa preparou uma experiência em seu estande usando gamificação com realidade virtual, em que os participantes da feira poderão entender a prática. Armazenamento de informações como código do produto, número de venda, ordem de produção, se é um ativo da empresa ou um produto de venda são outras vantagens do investimento nas etiquetas com RFID da HACO.  Por esses pontos específicos a tecnologia é considerada inibidora de falsificação. Diferente do código de barras que é apenas lido, o dispositivo RFID dá ao gestor a possibilidade de regravar as informações. Essa evolução já é considerada a substituta do código de barras, pois através de seu sistema de encapsulamento se torna mais segura, prática, eficiente e fonte de informações para tomadas de ações cada vez mais assertivas.

Leia a matéria original em: Fashion Network