Facebook Twitter Youtube Linkedin |

Programa MERCADO & CONSUMO desta semana fala sobre moda sustentável

A preocupação em viver em um mundo mais sustentável tem crescido entre as pessoas, inclusive em relação aos produtos que consomem. A fim de atender este público consciente, grandes varejistas de moda têm desenvolvido ações para garantir uma produção sustentável, em diversos elos da cadeia da moda. E este é o tema do Programa MERCADO & CONSUMO desta semana: a moda sustentável, parte do importante setor têxtil e de confecção, que deverá crescer 5,5% este ano, chegando a um faturamento de R$ 152 bilhões, segundo a Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (ABIT). Apenas este ano, seis bilhões de peças deverão ser produzidas e o segmento deverá gerar 20 mil empregos.

Um exemplo de companhia que apostou na sustentabilidade é a C&A, que tem uma plataforma global direcionada a esse pilar e foi reconhecida como a marca de moda mais sustentável do país em 2016. Ela foi a primeira varejista a incluir o tema em suas campanhas. Entre as ações da empresa está o controle das emissões de carbono nas lojas, centros de distribuição e escritório central, com redução do consumo de energia elétrica e investimentos em alternativas renováveis. A companhia tem metas, como utilizar 100% de algodão sustentável e 67% de outras matérias-primas sustentáveis em suas peças. A C&A realiza há dez anos uma supervisão de todos os seus fornecedores, por meio de um time próprio de auditores.

Outra varejista focada em sustentabilidade é a Renner, que lançou um selo para reunir suas ações e práticas sustentáveis, o Re-moda sustentável. A empresa assumiu uma lista de compromissos que devem ser cumpridas até 2021. A previsão da marca é chegar a dez milhões de peças sustentáveis vendidas neste ano, ante três milhões em 2017.

Para falar sobre este e outros assuntos, o convidado desta semana do quadro Papo de Loja é Paulo Correa, presidente da C&A. Ele conversou com Marcos Gouvêa de Souza, fundador e diretor-geral do Grupo GS&Gouvêa de Souza, e destacou a força que a indústria da moda tem. “O princípio por trás da sustentabilidade é que a moda pode ser uma força para o bem. Dentro disso, os grandes e os líderes da indústria tem que ter o protagonismo. Acreditamos nisso e é o que fazemos”, disse. O executivo também falou sobre o aspecto humano da sustentabilidade: “Temos uma plataforma completa, o que inclui a produção usando materiais sustentáveis e também uma preocupação com as vidas que estão participando deste processo. Isso também significa cuidar dos lugares de trabalho, garantir que tenham condições seguras e dignas para todos os trabalhadores que se envolvem no ciclo de produção”.

O programa vai trazer também as estratégias digitais que a Via Varejo, dona das marcas Pontofrio e Casas Bahia, está desenvolvendo para atrair o omniconsumidor.

PROGRAME-SE!
O programa vai ao ar todos os domingos, às 19h, com reapresentação aos sábados, às 8h30, na Record News. Ele também pode ser conferido pela Record TV Internacional, em mais de 150 países dos cinco continentes.

RECORD NEWS
Domingos, às 19h, com reapresentação aos sábados, às 8h30 da manhã.
SP, RJ 42,1, BH 27, DF 46,1, SC 06,1, 19 SKY, 78 NET, 55 e 86 VIVO, 14 CLARO e na Record News Internacional.

RECORD INTERNACIONAL
https://www.recordeuropa.com/como-assistir-record/

Leia a matéria original em: Estadão Conteúdo