Facebook Twitter Youtube Linkedin |

Telhanorte inaugura sua primeira loja de bairro em São Paulo

De acordo com dados da Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat), o faturamento das indústrias de materiais de construção cresceu 4% em setembro, na comparação anual, e aumentou 3,3% ante agosto. Para contribuir com o crescimento do setor e aumentar sua oferta, a rede de materiais de construção Telhanorte inaugura sua primeira loja de bairro. A abertura acontece hoje (21 de outubro), na Avenida Heitor Penteado, 1.731, no bairro da Vila Madalena, a poucas quadras da estação Vila Madalena do metrô.

É a primeira loja sob a bandeira telhanorteJá! neste novo conceito de homecenter de bairro criado pela rede, cuja premissa é estar onde o cliente está e oferecer soluções inteligentes para quem precisa de agilidade para manter os espaços em ordem.

Para contribuir com este reposicionamento estratégico, desenvolvimento do conceito e implantação dos primeiros pontos de venda, a GS&Consult, empresa de consultoria que integra o ecossistema de negócios do Grupo GS& Gouvêa de Souza, está integrada e apoiando nesta transformação desde o início do projeto. E com isso aportando além das boas práticas de mercado, elementos de inovação e digitalização no ponto de venda, visando aumento do nível de satisfação do cliente e melhoria na eficiência operacional do negócio.

Segundo Alexandre Machado, sócio-diretor de consultoria da Gouvêa de Souza, este tipo de projeto é uma das especialidades da empresa e certamente um dos trabalhos mais prazerosos e gratificantes que fazem, pois partem da ideia conceitual e entregam uma loja funcionando e pronta para expansão. Machado complementa que o trabalho foi facilitado, pois teve o patrocínio da alta direção e engajamento de todos. Criaram um único time e não o time da consultoria e o time da Telhanorte. Esse foi o segredo de sucesso para colocar de pé o projeto em tempo recorde.

O novo formato de loja teve como ponto de partida a jornada de compra e o comportamento dos consumidores alvo. E após essa definição criaram elementos para oferecer experiências de compra relevantes e que agreguem valor para os consumidores alvo. Além disso, o trabalho contemplou: plano de sortimento de produtos e serviços, estratégia de precificação, modelo de abastecimento e logística, dimensionamento do quadro, perfis e competências da equipe da loja, desenho do plano de chão (processos operacionais), seleção de soluções de tecnologia e integração com ações de marketing e comunicação.

Inovador em seu formato e nos serviços oferecidos
A loja tem 280 m2 e cerca de 3 mil produtos fisicamente nas gôndolas. O diferencial é que a loja ofertará toda a gama de produtos do homecenter tradicional por meio do conceito conhecido como prateleira infinita, que permite ter acesso ao estoque da rede de maneira digital.

Aluguel de ferramenta e instalação de produtos
A oferta completa também abrange serviços, como a instalação de pisos, por exemplo, e a parceria com a GetNinjas, para contratação de diversos serviços, como pintura, elétrica, marcenaria, entre outros. Especialmente para a telhanorteJá! está sendo desenvolvido um programa de benefícios para profissionais especialistas (pedreiros, encanadores, eletricistas), zeladores e profissionais conhecidos como ‘faz tudo’.

Experiência de compra
Há uma série de inovações que a Telhanorte traz para esse modelo. Por exemplo, além do caixa tradicional, haverá caixa móvel para compra em qualquer local da loja.

Ainda sobre diferenciais em termos de serviço: as lojas aceitarão, por exemplo, cartão pré-pago, para facilitar a recompra de profissionais que estão envolvidos em obras. Há também prevista entrega em até uma hora e o envio da maquininha até a casa do cliente.

Os clientes também poderão realizar compras via WhatsApp, que ficará disponível de acordo com o horário de funcionamento da loja e também terá wi-fi gratuito para os clientes.

Novas lojas a caminho
Além da inauguração da loja na Avenida Heitor Penteado, está prevista a abertura de outras três unidades ainda em 2019, todas em São Paulo.

Matéria original publicada em: Direito e Negócios